Confira os critérios de correção das redações da UFPR

Os vestibulares estão chegando e, com eles, vem a preocupação de uma etapa da prova que, muitas vezes, nos salva: a temida redação. Para isso, nós separamos para você alguns esclarecimentos e dicas importantes sobre o processo avaliativo. Confira!

A equipe responsável por cada questão definiu previamente os critérios para a atribuição de notas, após exame de uma amostra das provas realizadas.

Cada avaliador atribuiu uma nota global à questão, resultante da aplicação conjunta dos critérios estabelecidos. O processo de avaliação NÃO prevê: 1) desconto de um número pré-estabelecido de pontos por cada erro cometido (de ortografia, concordância, pontuação etc.); 2) qualquer tipo de anotação na prova do candidato, pois isso poderia influenciar as avaliações subsequentes; 3) preenchimento de ficha ou planilha com detalhamento da pontuação atribuída.

A realização da atividade proposta no enunciado da questão é a condição mínima para que a resposta do candidato receba uma nota diferente de zero. Porém, a nota final resulta de uma avaliação qualitativa da resposta, a partir do exame do texto produzido tendo como parâmetro o conjunto de critérios gerais e específicos detalhados a seguir.

Confira os critérios gerais utilizados na avaliação de todas as questões:

  • Cumprir ao que se propõe a questão, o que necessita, também, do domínio de leitura dos textos utilizados nos enunciados;
  • Organização global e coerência do texto;
  • Uso adequado de recursos coesivos;
  • Domínio da língua culta contemporânea: normas de concordância, regência, colocação, além de uso de vocabulário adequado;
  • Domínio de estruturas sintáticas próprias da escrita, bem como dos sinais de pontuação, tendo em vista um máximo de clareza e precisão;
  • Legibilidade do texto e respeito às normas ortográficas em vigor;

Newsletter

fique por dentro das novidades!